IBERÊ CAMARGO


 

Artista de rigor e sensibilidade únicos, Iberê Camargo é um dos grandes nomes da arte do século XX. Autor de uma obra extensa, que inclui pinturas, desenhos, guaches e gravuras, Iberê nasceu em Restinga Seca, no interior do Rio Grande do Sul, em novembro de 1914, tendo passado grande parte de sua vida no Rio de Janeiro.
 Desde a juventude, mostrou-se atraído por personalidades independentes, como Guignard e Goeldi. Na Europa, estudou com mestres como Giorgio de Chirico, Carlos Alberto Petrucci, Antônio Achille e André LotheAo longo de sua vida, Iberê Camargo sempre exerceu forte liderança no meio artístico e intelectual. Teve sua obra reverenciada em exposições de renome internacional, como a Bienal de São Paulo, a Bienal de Veneza, a Bienal de Tóquio e a Bienal de Madri, e integrou inúmeras mostras no Brasil e em países como França, Inglaterra, Estados Unidos, Escócia, Espanha e Itália.

O pintor morreu aos 79 anos, em Porto Alegre, em agosto de 1994, deixando um acervo de mais de sete mil obras. Grande parte delas foi deixada a sua esposa, Sra. Maria Coussirat Camargo, e integra hoje o acervo da Fundação Iberê Camargo.

|1928|
- Estudou pintura na Escola de Artes e Ofícios de Santa Maria, Rio Grande do Sul.

|1939|
- Freqüentou o curso técnico de Arquitetura do Instituto de Belas Artes de Porto Alegre.
- Casou-se com Maria Coussirat.

|1942|
- Exposição individual no palácio do governo do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.
- Transferiu-se para o Rio de Janeiro como bolsista do governo do Estado do Rio Grande do Sul.

|1943|
- Criou, com outros artistas, o Grupo Guinard, Rio de Janeiro.

|1944|
- Exposição individual na Casa das Molduras, Porto Alegre.
- Salão Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro.
- Exposição Auto-Retrato no Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro.

|1945|
- Salão de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Mostra 20 Artistas Brasileiros, Buenos Aires, Argentina.

|1946|
- Salão Nacional do Rio de Janeiro.
- Exposição individual no Ministério de Educação e Saúde, Rio de Janeiro.

|1947|
- Prêmio de viagem ao exterior no Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Exposição individual na Casa das Molduras, Porto Alegre.
- Exposição Pintura Contemporânea Brasileira, Montevidéu, Uruguai.

|1948|
- Exposição Pintura Contemporânea Brasileira, Johanesburgo, África do Sul.
- Exposição Pintura Contemporânea, na Biblioteca Pública de Salvador.
- Exposição Pintura Brasileira, Chile.

|1948/49|
- Estudou com De Chirico, Petrucci, Achille e Rosa, Roma, Itália.

|1949/50|
- Freqüentou a Academia André Lhote, Paris França.

|1951|
- Membro do júri do Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- I Bienal de São Paulo
- Exposição individual no Museu de Arte de Resende, Rio de Janeiro.
- Bienal de Arte Hispano-Americana, Madri, Espanha.

|1952|
- Integrou, até 1955, a comissão Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro.
- Expôs, na Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, gravuras para a ilustração do livro O Rebelde, de Inglêz de Souza, destinado aos sócios do grupo Os Cem Bibliófilos do Brasil.
- Exposição na Universidade do Chile.
- Exposição no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Exposição no Museu de Arte de Florianópolis.
- Coletiva no Instituto Brasil-Estados Unidos, Rio de Janeiro.

|1953|
- Como professor concursado, fundou o curso de gravura em metal no então Instituto Municipal de Belas Artes, hoje Escola de Artes Visuais, Rio de Janeiro.
- Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
-Exposição Gravuras Brasileiras, Berlim, Alemanha.

|1955|
- Administrou curso de gravura em metal, Porto Alegre.
- Exposição individual no Clube da Gravura, Porto Alegre.
- Bienal de Madri, Espanha.
- Novo Salão Carioca, Rio de Janeiro.
- Idealizou o Salão Miniatura como protesto pela insignificante redução das taxas de importação das tintas para artistas plásticos, na Associação Brasileira de Imprensa, Rio de Janeiro.

|1956|
- Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Mostra coletiva no Museu Guggenheim, Nova York, Estados Unidos.
- III Bienal Hispano-Americana, Barcelona, Espanha.
- Exposição 50 Anos Paisagem Brasileira, no Museu de Arte Moderna de São Paulo.

|1957|
- Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Exposição organizada pelo Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro em Buenos Aires, Argentina.
- Exposição de gravura brasileira, Montevidéu, Uruguai.

|1958|
- Exposição de gravura brasileira no Museu de Quito, Equador.
- Bienal da Cidade do México.
- Salão Pan-Americano do Instituto de Belas Artes, Porto Alegre.
- Exposição individual na Galeria GEA, Rio de Janeiro.
- Membro do júri do Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

|1959|
- Exposição na União Pan-Americana, Washington, Estados Unidos.
- V Bienal de São Paulo.
- Exposição 30 Anos de Arte Brasileira na Galeria Macunaíma, Rio de Janeiro.
- Exposição em homenagem aos críticos de arte, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Participou da exposição itinerante de gravadores brasileiros organizada pela Comissão de Cultura em colaboração com o Smithsoniam Institute of Washington, Estados Unidos.
- Coletiva no Museu de Arte Moderna de Chapultepec, Cidade do México.
|1960|
- International Bienal Exhibition of Prints in Tokio, National Museum of Modern Art Yomiuri Shimbun, Tóquio, Japão.
- Mostra Latin American Painters and Painting, organizada pelo Museu Guggenheim, Nova York, Estados Unidos.
- Exposição individual no centro de Artes e Letras de Montevidéu, Uruguai.
- Bienal da Cidade do México.
- Curso de pintura na Prefeitura de Porto Alegre, origem do Ateliê Livre da cidade.
- Exposição inaugural do Museu de Arte Moderna de Buenos Aires, Argentina.
- Administrou curso de gravura em metal, Montevidéu, Uruguai.
- Exposição individual no Museu de Arte do Rio Grande do Sul.
- Mostra inaugural da Galeria Bonino, Rio de Janeiro.

|1961|
- Bienal do Japão.
- Prêmio Melhor Pintor Nacional, na VI Bienal de São Paulo.
- Coletivas: O Perfil e a Obra e A Natureza Morta na Pintura no Instituto Brasil-Estados Unidos, Rio de Janeiro.
- Exposições de gravura: Estados Unidos e Japão.

|1962|
- Bienal de Veneza, Itália.
- Retrospectiva no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Pintou painéis para a Companhia de Navegação Costeira e os expôs no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
- Coletiva na Galeria Relevo, Rio de Janeiro.
- Exposição na Walter Art Center of Minneapolis, Estados Unidos.
- Participou da exposição na Embaixada dos Estados Unidos, Rio de Janeiro.
- Exposição de gravura, Japão.

|1963|
- Sala Especial na VII Bienal de São Paulo.
- Exposição individual na Petite Galerie, Rio de Janeiro.
- Exposição de gravura, Lima, Peru.
- Exposição Resumo do Jornal do Brasil, Rio de Janeiro.
- Exposição no Museu Lagos, Nigéria.
- Exposição A Paisagem como Tema, no Instituto Brasil-Estados Unidos, Rio de Janeiro.

|1964|
- Exposição individual na Galeria Bonino, Rio de Janeiro.
- Publicou nos Cadernos Brasileiros o seu Tratado sobre Gravura em Metal, Rio de Janeiro.

|1965|
- Exposição individual na Galeria Bonino, Rio de Janeiro.
- Exposição Ocho Grabadores Brasileños, na Galeria Rene Mentres, Barcelona, Espanha.
- Transferiu-se do curso de gravura em metal para o de pintura do Instituto Municipal de Belas Artes do Rio de Janeiro, atual Escola de Artes Visuais, Rio de Janeiro.
- Ministrou curso de pintura promovido pelo Museu de Arte do rio Grande do Sul, Porto Alegre.
- Exposições no Royal College of Art Galleries, Londres, Inglaterra; Galerie Subel, Paris, França; Museu de Arte Moderna de Madri, Espanha, e de Toronto, Canadá; Fundação Calouste Gulbekian, Lisboa, Portugal; Museu Guggenheim, Nova York, Estados Unidos.

|1966|
- Executou painel de 49 metros quadrados oferecido pelo Brasil à Organização Mundial da Saúde, Genebra, Suíça.
- Exposição Brasillianisch Kunst Heunst, Bonn, Alemanha.
- Exposição no Museu de Arte Moderna do México.
- Exposição individual na Galeria Bonino, Rio de Janeiro.

|1967|
- Exposição Resumo do Jornal do Brasil, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

|1968|
- Bienal Internacional de Tóquio, Japão.
- Integrou o júri do Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

|1969|
- Individuais: Galeria Yázigi, Porto Alegre; Biblioteca Pública Municipal de Santa Maria, Rio Grande do Sul.Ministrou os cursos: pintura, para detentos da Penitenciária de Porto Alegre; gravura em metal, na Universidade Federal de Santa Maria, Rio Grande do Sul.
- Coletivas nos Estados Unidos: Gallery Confianza, Barnegat Light, Nova Jersey; Art Gallery Center for Inter-American Relations, Nova York.
|1970|
- Aulas de pintura na Penitenciária de Porto Alegre e de gravura em metal na Escola de Belas Artes da Universidade de Porto Alegre.
- Exposição individual na Galeria Barcinski, Rio de Janeiro.

|1971|
- Sala Especial na XI Bienal de São Paulo.
- Exposição Resumo do Jornal do Brasil, Rio de Janeiro.

|1972|
- Expôs na inauguração de seu ateliê, Rio de Janeiro.

|1973|
- Exposição individual na O'Hana Gallery, Londres, Inglaterra.
- Exposição individual na Galeria do Ineli, Porto Alegre.
- Exposição individual na Maison de France, Rio de Janeiro.
- Exposição Internacional de Gravura, Ljubljana, Iugoslávia.
- Exposição Gravura brasileira no Século XX, no Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro.
- Exposição no Museu de Arte Contemporânea, São Paulo.

|1974|
- Exposição individual na galeria da Aliança Francesa, Rio de Janeiro.
- Exposição de gravuras no Centro Cultural Alemão do Rio Grande do Sul.
- Inauguração da Galeria Iberê Camargo no Diretório Acadêmico da Universidade Federal de Santa Maria, Rio Grande do Sul.

|1975|
- Exposição individual na Galeria de Arte Luiz Buarque de Holanda e Paulo Bittencourt, Rio de Janeiro.
- 2ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, São Paulo, Rio de Janeiro e Japão.
- Participou de exposição de tapeçaria na Galeria Contorno, Rio de Janeiro.
- Integrou a exposição do Acervo do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

|1976|
- Exposição individual na Galeria Bonino, Rio de Janeiro.

|1977|
- Exposição individual na Galeria Oficina de Arte, Porto Alegre.
- Exposição individual na galeria Iberê Camargo de Santa Maria, Rio Grande do Sul.
- 3ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, São Paulo, Rio de Janeiro e Japão.
- X Quadrienal Nacional de Arte, Roma, Itália.
- Exposição Arte Global, Belo Horizonte, Brasília e Rio de Janeiro.

|1978|
- Exposição individual na Galeria Cristina Faria de Paula, São Paulo.
- 1º Encontro Íbero-Americano de Críticos de Arte e Artistas Plásticos no Museu de Belas Artes Los Caoobos, Caracas, Venezuela.

|1979|
- Exposição individual na Galeria Debret, Paris, França.
- Exposição individual na Galeria Ipanema, Rio de Janeiro.
- XV Bienal internacional de São Paulo.
- Retrospectiva de desenhos no Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.
|1980|
- Retrospectiva de desenhos no Museu Guido Viaro, Curitiba.
- Exposição Homenagem a Mário Pedrosa, na Galeria Jean Boghici, Rio de Janeiro.
- Exposição individual na Galeria do Centro Comercial de Porto Alegre.

|1981|
- Exposição individual na Galeria Acervo, Rio de Janeiro.
- Exposição individual na Galeria do Centro Comercial de Porto Alegre.
- Exposição Arte Contemporânea Brasil-Japão, no Museu Nacional de Osaka, Japão.

|1982|
- Mostra Homenagem a Iberê Camargo no Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.
- Exposição individual no Studio de Arte Cláudio Gil, Rio de Janeiro.
- Mostra Entre a Mancha e a Figura no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

|1983|
- Exposição individual na Galeria Tina Presser, Porto Alegre. Projeção do curta-metragem sobre sua obra, por Mário Carneiro e Embrafilme, Rio de Janeiro.
- Exposição 3.4 Grandes Formatos no Centro empresarial Rio, Rio de Janeiro.
- Outdoor para a Rede Brasil Sul, que foi exposto nas ruas de Porto Alegre.
- Exposição Autos-Retratos na Galeria do Banerj, Rio de Janeiro.

|1984|
- Exposição individual comemorativa à passagem de seu 70º aniversário, na Universidade de Santa Maria, Rio Grande do Sul.
- Exposição iconográfica Iberê Camargo, Aquele Abraço!, comemorativa à passagem de seu 70º aniversário, no Centro Municipal de Cultura de Porto Alegre.
- Dois painéis para a Funarte.
- Exposição retrospectiva comemorativa à passagem de seu 70º aniversário no Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.
- Exposições individuais: Galeria Tina Presser, Porto Alegre; Galeria Luisa Strina, São Paulo; Studio de Arte Cláudio Gil, Rio de Janeiro; Galeria Thomaz Cohn, Rio de Janeiro; Petite Galerie, Viva a Pintura, homenagem a Iberê, Rio de Janeiro.

|1985|
- Mostra retrospectiva Trajetória e Encontros no Museu de Arte do rio Grande do Sul. Lançamento de livro sobre sua vida e obra, editado pelo Museu de Arte do Rio Grande do Sul, pela Fundação Nacional de Arte e pelo Ministério da Cultura.
- Prêmio Golfinho de Ouro pela sua atuação como artista plástico durante o ano de 1984, concedido pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro.
- Medalha Mérito Cultural, concedida pela Prefeitura Municipal de Porto Alegre.

|1986|
- Exposição Trajetória e Encontros: Museu de Arte de São Paulo; Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro; Teatro Nacional de Brasília.
- Exposição individual de desenhos (série agrotóxicos) e de óleos na galeria Tina Presser, Porto Alegre.
- Exposição individual de desenhos As Criadas, de Genet, na Galeria Usina, Vitória.
- Exposição ndividual de óleos e desenhos e lançamento da suíte de serigrafias (manequins) na Mas Stolz Galerie, Curitiba.
- Título de Doutor Honoris Causa da Universidade Federal de Santa Maria, Rio Grande do Sul.

|1987|
- Exposições: Galeria Montesanti, São Paulo; Galeria Espaço Capital, Brasília; Galeria Art-Con, Campo Grande, Mato Grosso do Sul; Galeria Soluzzione, Caxias do Sul, Rio Grande do Sul; Galeria Espaço de Arte, Florianópolis; M.D. Galeria de Arte, Uberaba, Minas Gerais; Galeria Luisa Strina, São Paulo; Galeria Paulo Klabin, São Paulo; Galeria Paulo Klabin, Rio de Janeiro; Centro de Exposiciones do Departamento de Cultura, Montevidéu, Uruguai; Centro de Cultura de Cruz Alta, Rio Grande do Sul; Galeria Van Gogh, Pelotas, Rio Grande do Sul; Galeria Matiz, Santa Maria, Rio Grande do Sul; Galeria Tina Presser, Porto Alegre.

|1988|
- Exposição Modernidade Brasileira do Século XX, no Museu de Arte Moderna de Paris, França.
- Livro de contos No Andar do Tempo com as seguintes individuais: Galeria Tina Zappoli, Porto Alegre; Galeria Documenta, São Paulo; Galeria Montesanti, Rio de Janeiro; Galeria Van Gogh, Pelotas, Rio Grande do Sul.
- Individual na Galeria Multiarte, Fortaleza.
- Individual de gravuras na Galeria Álvaro Santos, Aracaju.
- Coletiva na Galeria Tina Zappoli, Porto Alegre.
- Coletiva Os Ritmos e as Formas da Arte Contemporânea Brasileira, na Galeria SESC Pompéia, São Paulo.
- Coletiva Os Ritmos e as Formas da Arte Contemporânea Brasileira, Dinamarca e países escandinavos.

|1989|
- Exposições coletivas: Forma e Estrutura, na Galeria Raquel Arnaud, São Paulo. Panorama da Pintura no Museu de Arte Moderna de São Paulo.
- Galeria Saramenha, Rio de Janeiro.
- Galeria Tina Zappoli, sala especial comemorando os 75 anos de Iberê Camargo, Porto Alegre.
- Galeria Tina Zappoli, Porto Alegre.
- Exposição individual na Galeria Santana do Livramento, Rio Grande do Sul.
- Arti, no Museu de Arte do Rio Grande do Sul.

|1990|
- Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea.
- Exposição individual na Galeria Van Gogh, Pelotas, Rio Grande do Sul.
- Retrospectiva de gravura na Galeria do Banco Francês e Brasileiro, Porto Alegre.
- Retrospectiva de gravura no Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro.

|1991|
- Exposição coletiva Sobre a Árvore na Galeria Montesanti, São Paulo.
- Retrospectiva de gravura no Museu de Arte de São Paulo.
- Exposição coletiva Guaches na Galeria Goethe, Porto Alegre.
- Exposição individual, Passo Fundo, Rio Grande do Sul.
- Exposição individual, Bahia.

|1992|
- Exposição Históricos, obra sobre papel, no Museu de Arte do rio Grande do Sul.
- Lançamento do livro técnico A Gravura, Editora Sagra, Porto Alegre.
- Exposição Debret a Iberê, que marcou a reabertura do Museu da Cidade, Rio de Janeiro.
- Museu da Chácara do Céu da Fundação Castro Maya recriou a Sociedade Amigos da Gravura, comercializando entre os sócios uma gravura de Iberê.
- Exposição individual na Multi Arte Galeria, Fortaleza.

|1993|
- Exposições individuais: Galeria Camargo Vilaça, São Paulo; Museu de Arte de Santa Catarina; Escritório de Arte da Bahia, Salvador; guaches Retratos de Amigos, Porto Alegre; gravuras em metal, Ribeirão Preto.
- Inauguração da Galeria Iberê Camargo, em Porto Alegre, com guaches do artista.

|1994|
- Participa do núcleo Abstrações na Bienal Brasil Século XX e da XXII Bienal Internacional de São Paulo.
- Exposição Homenagem a Iberê Camargo, no Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.
- Retrospectiva no Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro.
- Última individual de desenhos e gravuras no Espaço Cultural FIAT, São Paulo.